quarta-feira, 19 de junho de 2013

Natação e musculação: uma parceria ideal

Uma reportagem da Men's Healt de maio (2013) trouxe uma reportagem da importância da natação, como forma de complemento no ganho de hipertrofia e definição muscular, vou colocar uma parte da reportagem e fazer algumas colocações importantes.
      Quando aliamos alguma outra atividade com a musculação, devemos nos preocupar primeiramente com nosso objetivo, pois ambas vão se interferir, podendo ser negativa ou positiva.      
      Por exemplo no caso de um nadador, que necessita de estar com os músculos a 100% para a competição, não é interessante passar um treino muito pesado e novo numa fase de polimento. Polimento, segundo BOMPA (2002), é um período reservado para o treinamento específico para uma competição importante e facilitar uma ocorrência de supercompensação, por meio de um decréscimo das cargas (volume), fazendo manutenção do treinamento. Logo não é interessante fazer uma mudança brusca e com muita carga no período no treino de musculação no período de polimento. 
        Se o seu objetivo é a musculação, procure fazer o treino de musculação primeiro e dar um intervalo minimo de 4 horas para o treino de natação, para que esse ocorra de forma eficiente, levando em conta a intensidade dos treinos e quais substratos energéticos serão mais utilizados.
    FLECK e KRAEMER (2006) acrescentam um ponto favorável para os exercícios multiarticulares, eles possuem maior especificidade de transferência do que exercícios monoarticulares, aproximando mais do cotidiano.
Para você que procura aliar a natação ao treino de musculação lembre-se de algumas regras:

- Dar um intervalo maior que 4 horas entre os treinos.
- Direcionar o seu objetivo.
- Descansar o suficiente.
- Ficar atento a qualquer dor, pois existe uma possibilidade de lesão por esforço repetitivo.
- Hidrate-se bem nos dois treinos.
- Alimente-se bem.
Se seguir esses conselhos terá um corpo forte e saudável.

Referências:
GIANONI, R. L. S. Treinamento de  musculação para natação. São Paulo: Ícone, 2011.

3 comentários:

  1. Quero conciliar os 2 treinamentos, e tinha pensado em fazer natação primeiro e logo em seguida musculação. minha intenção primeiramente é perder peso, e é claro, se possível ganhar massa muscular ao mesmo, porém, a prioridade é perder peso. o que vc acha que posso fazer ?

    ResponderExcluir
  2. Um conselho: Musculação = treino full body (carga entre 40% a 70% da RM), pegando leve no desenvolvimento de ombros = seg, qua, sex. Natação = ter e qui (ideal) ou (ter, qui e sábado. Nesse caso, escolher um dos dias para descanso ativo, ou seja, regenerativo, não exceder a 1500 m e de forma bem solta). Domingo, descanso total. Nos dias de natação, direcione um dia para um treino de tiro (não exceder a 30 min. FCT = 75% a 90% da FCM. Isso se você já tiver condicionamento cárdio respiratório). Outro dia, um treino leve a moderado de 40, a 60 min, no máximo, com FCT = 65 a 75% . Alimentação equilibrada e na proporção 40% proteína, 40% carboidrato e 20% de gordura. Observar seu objetivo: se ganho de massa magra seu IMB (índice de metabolismo basal + 300 a 500 cal) e caso queira emagrecer IMB - 300 a 500 cal. Esse valor está relacionado diretamente ao fator de atividade. Dormir no mínimo 07 horas, ingerir muita água (2 l/ dia). Pese-se antes e depois da atividade para ver quanto de água deverá beber até recuperar o peso medido antes da atividade. Eu não recomendo a ninguém malhar e nadar ou nadar e malhar no mesmo dia sem a análise e periodização de um educador físico e um programa nutricional montado por uma nutricionista. Caso contrário não lhe será nada saudável. Leia sobre catabolismo e excesso de treino. Boa sorte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho 1,55 de altura e 53 kg, gostaria de saber se posso fazer natação e musculação todos os dias, manhã e noite respectivamente ? Ou se seria melhor fazer natação todos os dias e musculação três vezes na semana? O meu objtivo é definir o corpo e cuidar da saúde. Rosângela

      Excluir